quarta-feira, novembro 01, 2006

Halloween



Halloween...para quê?

Bem...alguns colegas, que me desculpem, mas sinceramente, terei que usar este pequeno espaço, para me manifestar contra este tema que está, progressivamente, a ser implementado nos nossos jardins de infância.


Eu percebo, que nem todos estarão de acordo...mas eu não entendo, o porquê de explorarmos este tema com as crianças, já que tudo aquilo que trabalhamos ou transmitimos, em qualquer actividade, deverá contribuir para o desenvolvimento global de cada criança, de uma forma positiva...


Se investigarmos aprofundadamente, sobre isto, iremos descobrir que existem vários factores negativos, que envolvem esta actividade...tais como, o susto, o medo, as mentiras, os enganos, as bruxas, os feitiços, as cores escuras...

Por exemplo, ontem, por volta das 22:30 e 23h, crianças tocavam nas campainhas do meu prédio, para a tal brincadeira dos doces e sustos! Acham isso bem?

Manifesto-me contra esta "nova onda" de influências, que na minha opinião, não são nada positivas...já para não salientar, o aspecto emocional, espiritual e interesse comercial, existe ainda o facto de importarmos para a nossa cultura, algo que em nada contribui para o nosso crescimento positivo a nível pessoal e social.


Pergunto...qual é então o objectivo geral e específico desta actividade?


Porquê adotarmos este tema "halloween" nos nossos jardins de infância?


Porquê expormos as crianças em algo que, inicialmente, parece engraçado, mas que se pode tornar perigoso?


Porquê promovermos brincadeiras que transmitem medos e insegurança?



Podem visitar www.obaoba.com.br/especiais/halloween2004/intro.htm e lerem algumas coisas sobre isto

Espero que não se ofendam com esta manifestação...mas é a minha opinião e convicção!

29 comentários:

  1. Helder Gomes1/11/06 16:56

    É evidente q as opinioes podem ser variadas,mas sem duvida q esse tipo de brincadeiras em nada favoressem emocionalmente uma criança,nem tão pouco as ajuda a controlar o normal receio q determinadas crianças têm sobre coisas tao normais como até a propria sombra ou mesmo a escuridao da noite.Não temos necessidade de importar brincadeiras de outros países pra q as crianças tenham brincadeiras saudaveis com os seus amiguinhos e se sintam felizes.Tenho as minhas duvidas em q o halloween seja considerado uma brincadeira enriquecedora para os valores q cremos instruidos nos nossos filhos.Parabens pela postagem é um alerta pra muita coisa mal reflectida sobre se considerar uma brincadeira para crianças ou não e decerto q nem todas são.BJS

    ResponderEliminar
  2. Respeito e valido a tua opinião, compreendo perfeitamente que possas estar em desacordo com a adopção deste evento. Mas nos dias de hoje é quase impossível deixar passar despercebida esta altura do ano porque todos falam disso, adultos e crianças, tudo apela para esta comemoração. O dia dos Namorados é outro claro exemplo de como estamos a ficar cada vez mais americanizados e explorados para comprar e consumir. Em relação aos medos e inseguranças que se podem transmitir à criança com este tipo de eventos, eles estão presentes em muitas outras coisas. Lembro-me que quando vi com as crianças "À procura de Nemo" elas ficaram aterrorizadas com o facto do Nemo poder vir a ficar sem pai. O susto, as roupas berrantes e/ou escuras também estão presentes no carnaval e não é por causa disso que não se festeja. Na creche onde trabalho não se festejou porque achamos que não tinha lógica nenhuma, nem as crianças iriam compreender nada. Mas no Jardim, as crianças já têm idade para perceber o que se passa à sua volta e pelo menos uma boa conversa com eles eu iria ter. Depois, decidíamos em conjunto se iriamos festejar ou não... O saber, o conhecer melhor a tradição é um grande passo para que eles deixem de ter medo e insegurança...é só mais uma opinião ;)

    ResponderEliminar
  3. :0)
    Pessoalmente prefiro trabalhar o pão por Deus :0)
    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Respeito a opinião. Eu sinceramente nem sou contra nem a favor, penso que depende muito de onde se está a trabalhar e com que grupo.

    Penso que pode ser para tirar medos e não para os pôr.
    Neste meu último ano de estágio, uma das minhas colegas de estágio teve que falar do halloween, dia das bruxas, vestiu-se de bruxa e apareceu na sala assim, duas crianças ficaram assustadas e começaram a chorar, no entanto, ela começou a falar dizendo que não fazia mal e depois as crianças começaram a tocar nela e por fim já sorriam para ela.
    No fim, ela pediu às crianças para lhe tirarem a peruca e os acessorios e entraram na brincadeira.
    Depois já não tinham medo.
    Penso que depende muito de como se aborda o tema.

    ResponderEliminar
  5. realmente uma forma de não falar do dia das bruxas é falar do dia de pao-de-deus :).
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Por opção não celebro nem o carnaval, nem o dia dos namorados (pois não sei quem o sr. Valentim) e muito menos o halloween. Estou muito inclinado para "humanamente" concordar com a Marta, pois espiritualmente já concordo. Digo isto porque percebo o argumento de não ser possível livrar as crianças do contacto com as celebrações deste mundo. Mas a convivencia com, não implica a concordância com,...e eu concordo que vivemos tempos onde valores diferentes necessitam ser defendidos por gente diferente.
    Apenas uma nota final. As cores usadas nas roupas podem induzir a um julgamento precipitado. O preto é uma cor como qq outra.
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. Concordo contigo, é preciso inovar e não reportar ideias de fora!!!!

    sara

    ResponderEliminar
  8. ...uma alma vazia de sentimentos: não sinto nada...
    Eis-me...”renascida”
    BlueShell

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  10. Não tenho por hábito comemorar o Halloween nem o Dia dos Namorados com as crianças com quem trabalho, isto pelo simples motivo de achar desprovido de interesse qualquer uma dessas festividade em contexto de Creche e Jardim de Infância. No entanto se as crianças mostrarem interesse acho importante tentar perceber de onde e porquê surge esse interesse e posteriormente se for caso tentar aproveitar essas festividades para passar outro tipo de mensagem.

    ResponderEliminar
  11. Acho que tens razão (Marta) o mundo de hoje é só violencia, mentiras, etc... Devemos envolver as crianças com algo mais alegre e saudável, para que no futuro sejam pessoas responsáveis e felizes...
    bjos.

    CARMO PAULINO

    ResponderEliminar
  12. alguém que não gosta de imitar os outros13/11/06 20:31

    Ainda por cima é um costume americano! DAHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!

    ResponderEliminar
  13. desaparecest?!

    Voltaaaaa :).

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  14. Acho que o Halloween é ruim olhando de um certo ponto de vista. Já participei de festas e a questão é como isso é passado para as crianças. não se refira a Halloween como um dia ruim e de 'fantrasmas'. Acho que colocar isso para crianças pequenas é ruim, mas quando elas estiverem maiores não vai ser prejudicial para elas (nem benefico é claro) Eu nunca tive nenhum problema com isso, por que a imagem que me foi passada de Halloween era um feriado. Para crianças pequenas os monstros podem ser muito assustadores, mas confeso que nunca tive medo de vampiros, bruxas ou fantasmas. São algumas pessoas que devem ser temidas, e é mais importante ensinar que as crianças não devem ter medo do que não existe. Sobre Halloween com crianças pequenas, sou contra. Mas quando elas crescem provavelmente não teram medo. (Quando eu era pequena assistia séries como Buffy sem nenhum problema) mas outras coisas podem causar mais problemas: Filmes de terror. Isso particularmente para mim, dá mais medo do que uma festa de Hallowen más essa é só minha opinião e respeito completamente a sua.

    ResponderEliminar
  15. Ainda bem que falou neste tema, assim abertamente.CONCORDO A 200%Sabe, quando chega esta altura fico com um no na garganta pois nao quero que o meu filho participe mas no colégio como já é habito comemoram e ele fica de parte e sente-se diminuido.È muito dificil para um crente viver nste mundo cheio de habitos tao vis e destrutivos e pior é que NADA FAZ MAL.TUDO É NORMAL.
    Mas como crente temos de fazer a vontade de Deus.Ele supera tudo por nós.E nao nos podemos surpreender com este "avanço" do mal pois é o espirito do mundo, trazendo e fazendo cumprir as sprofecias.Satanas domina este mundo por isso o pecado e o espiritismo tao a ser rapidamente difundidos e aceites por todo o mundo.So temos de estar cada vez mais firmes em Deus.Nao é nada facil, nao!

    Para mim este tema deveria ser proibido justamente porque há crianças que nao comemoram devido a religioes e os pedagogos nao vêm que causa desigualdade dentro da escola, as crianças sentem-se marginalidadas. Mas inclusivamente já há revistas de educadores brasileiros que iniciam as crianças em feitiçaria de uma forma muito atraente que são as chamadas SIMPATIAS.um perigo cada vez mais crescente e eminente:(

    ResponderEliminar
  16. OH DEUS!!!
    Achei muito interessante que tivésses criado este post! Muito mesmo, pois nunca tinha visto o assunto a ser debatido. Confeso que fiquei surpreendida com algumas respostas, o que mostra o quão variadas as pessoas são. (especialmente a última pessoa). Existem celebrações que de facto não vejo muito sentido em celebrar, tal como o dia dos namorados e o próprio dia das bruxas, no entanto, se formos por o facto de não terem muita uitlidade então havia muitas coisas que não se celebrariam! Se não vejamos, todas as crlebrações (quase todas) têm aspectos menos bons, menos bonitos de se contar às crianças, até o Natal e o cristianismo, é de longe bonito. Quantas guerras foram e são cometidas em nome de DEUS. Desculpa,mas não comemorar um dia por um factor menos bom não me parece adequado. Acho que tanto o dia dos namorados ou das bruxas, pode ser adaptado, melhor explicado, e podemos trabalhar outras coisas. Os medos são tão importantes de ser trabalhados como as coisas boas. O amor e a amizade fazem parte da vida. O simbolismo por detrás do dia das bruxas tem algum motivo de ser e é isso que nós temos de explorar para depois adequar melhor a nossa acção, penso eu...
    Agora, eu respeito mesmo todas as opiniões, mas em pleno século 21 haverem pessoas que não procuram informar-se parece-me muito desadequado (não tu atenção).
    Gostei mesmo deste post e do teu blog!

    Beijokas!!!!

    ResponderEliminar
  17. Se me permite:

    "O simbolismo por detrás do dia das bruxas tem algum motivo de ser "
    "...mas em pleno século 21 haverem pessoas que não procuram informar-se parece-me muito desadequado "

    Talvez a senhora devesse informar acerca DA ORIGEM E FINALIDADE.

    Nem tudo o que brilha é ouro!

    Um bom dia!

    :)

    ResponderEliminar
  18. o coisinha ridicula estava eu procurando sobre o meu trabalho quando encontrei este site q eh um pe num saco .

    perguntas idiotas respostas boas para essas perguntas pois devemos ser gentis com pessoas q naum tem esse tipo de conhecimento .

    Pergunto...qual é então o objectivo geral e específico desta actividade?

    o obgetivo geral e específico e que isso serve para a diversao pra toda e qualquer pessoa

    Porquê adotarmos este tema "halloween" nos nossos jardins de infância?

    para estimular a criatividade das crianças

    Porquê expormos as crianças em algo que, inicialmente, parece engraçado, mas que se pode tornar perigoso?

    ora por favor me polpe dos seus comentarios idiotas perigoso isso eh soh uma festa .

    Porquê promovermos brincadeiras que transmitem medos e insegurança?

    se elas brincam eh por que elas gostam ora bolas

    ResponderEliminar
  19. ah vc eh crente eh vixi PIOROU meu bem procure se informar mais tah naum vah pela cabeça dos outros naum tah tenha uma boa tarde o harry potter vai puxar sua perna a noite tome cuidado eh outra coisa q eh ridicula kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk harry potter do demonio ? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk esse eh uh cumulo dah monolisse ao quadrado

    ResponderEliminar
  20. penso que não será incorrecto "comemorar-se" o hallowen no J.I.,penso que o mal está na sociedade, que acolhe tudo quanto vem da América, desde as festas até às eleições presidenciais!! mas não me desviando do assunto, penso que todas as suas perguntas podem ser respondidas com o facyo de que tudo o que se faz com as crianças na sala tem de ser explorado, explicado, percebido.quero com isto dizer que as crianças têm de perceber o que é essa "festa". penso que é muito mais incorrecto fingir que o hallowen nao existe, que as abóboras, morcegos e bruxas que se vêm nos super/hiper mercados e pelas ruas não estão lá!!! é como evitar o natal porque temos algumas crianças que não são crentes!! não faz sentido, se existe, temos de falar nisso, e vivenciar isso, com conta e medida. penso que o problema está no exagero das decorações, dos desfiles, etc. etc. que se fazem a volta deste tema, mas as festividades e tradições fazem parte da área de conteúdo de COnhecimento do Mundo...

    ResponderEliminar
  21. Anónimo4/9/09 17:13

    A Bíblia é contra toda feitiçaria!!!!!!!!!!Ensimai o caminhos do Senhor aos seus filhos independente de religiões...Ele é o caminho a verdade...

    ResponderEliminar
  22. Anónimo4/9/09 17:16

    Nem tudo que o mundo quer ensinar nos edificam...Deus é justo e bom.Temos tantas coisas boas a celebrar...porque ficarmos comemorando dia das bruxas?Que sempre aparece com aquele narigão feio...vassoura velha...só pela forma que é representando dá pra perceber que coisa boa não é...

    ResponderEliminar
  23. Anónimo4/9/09 17:19

    Harry Potter não é coisa do demonio , mas a mensagem que o filme tras é lgo que leva nossas crianças a pecar...e pecado é coisa do demônio...crianças pensam que ser bruxa é a coisa mais legal do mundo adotam como profissão até...mas isso não é coisa de quem ama ao Senhor...Deus sempre foi contra tudo isso, mas Ele é misericordioso e sua bondade dura para sempre e por isso ele perdoa a falta de conhecimento...

    ResponderEliminar
  24. Trabalho o Dia das Bruxas com as minhas crianças, numa boa onda, no sentido de desmistificar os medos que alguns têm das bruxas, dos fantasmas, dos morcegos, etc. E aproveito sempre para falar de outros temas, como por exemplo as cores (laranja, preto ou branco) ou o corpo humano (esqueletos).
    As abóboras utilizamo-las para fazer doce e vender para angariar dinheiro para a "Acreditar" (instituição que acolhe crianças vítimas de cancro), já que o dia da luta nacional contra o cancro acontece no dia que se segue a este. Acham que isto é coisa do "demónio"????
    Acho que o Halloween tem um lado bem positivo e cabe a cada um procurá-lo à sua maneira. É difícil evitá-lo, como muitos já disseram, pois em todo o lado as crianças são bombardeadas com imagens e produtos relacionados com o assunto. Sendo um costume americano é até tratado nas aulas de inglês e considero ridículo evitá-lo só porque não gostamos dele.
    Ninguém no seu perfeito juízo vai aproveitar-se da situação para incitar as crianças a praticarem feitiçaria ou o mal! Nada disto tem que ver com os ensinamentos da igreja! Por amor de Deus! Sou católica, mas não obtusa!
    Acho mas é que temos que tirar o melhor partido que pudermos dele e ensinar o bem aos miúdos! É o que eu faço todos os anos!
    Tal como a Clari disse faz parte do Conhecimento do Mundo!!!

    ResponderEliminar
  25. e como educadora comemoro o dia das bruxas c as crianças do jardim de infância, até porque elas adoram e divertem-se bastante. são tradições,importadas ou não. Tudo depende da forma como são trabalhadas. em coimbra sempre foi tradição cantar os bolinhos e bolinhós na noite de 31 de outubro, se explorarmos muito a letra da canção tanmbé não seria adequada a crianças, : "bolinhos e bolinhós para mim e para vós para dar aos finados que estão mortos e enterados....etc mas muitas crianças cantavam e não me parece que tenham ficado traumatizadas ou que lhes tenha feito algum mal, eu adorava fazê-lo e ainda hoje existe essa tradição. hoje em dia as crianças ouvem falar do halloween e adoram brincar com aquilo que normalmente as assusta,não será essa até uma das melhores formas de combatermos os nossos medos? brincarmos c eles??

    ResponderEliminar
  26. vai tomar nesse teu cu o filha de uma puta vai te fude viado chupa pau no cu

    ResponderEliminar
  27. Concordo plenamente com a sua reflexão. Há tanta coisa bonita que deveriamos trabalhar e salientar e que passa ao lado.

    ResponderEliminar